Pacto Setorial da Pecuária

Data da criação: 15 de outubro de 2008

Entidade criadora: Fórum Amazônia Sustentável

O pacto: os signatários do Pacto Setorial da Pecuária estão obrigados a financiar, distribuir e comercializar somente a carne certificada (ou que estejam em processo de regularização) e se comprometem a boicotar fornecedores que façam parte da Lista Suja do Trabalho Escravo do Ministério do Trabalho e/ou da Lista de Embargos do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

O Pacto da Pecuária também prevê a mobilização, por parte dos signatários, para ampliar o número de adesões ...

Pacto Setorial da Soja

Data da criação: 15 de outubro de 2008

Entidade criadora: Fórum Amazônia Sustentável

O pacto: os signatários do Pacto Setorial da Soja estão obrigados a financiar, distribuir e comercializar somente soja certificada (ou que estejam em processo de regularização) e se comprometem a boicotar fornecedores que façam parte da Lista Suja do Trabalho Escravo do Ministério do Trabalho e/ou da Lista de Embargos do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

O Pacto da Soja também prevê a mobilização, por parte dos signatários, para ampliar o número de adesões e ...

Pactos empresariais querem ampliar e fortalecer negócios mais sustentáveis

Instituições privadas, do setor público, grupos da sociedade civil e ONG´s assinam os compromissos voluntariamente; consumidor pode consultar a lista dos signatários para embasar escolhas de consumo

Desde 2005, diversas empresas, entidades do setor público e da sociedade civil brasileira vêm realizando voluntariamente ações concretas com objetivo de ampliar e fortalecer o ambiente de negócios mais sustentáveis no país. Compromissos com a erradicação do trabalho escravo e da corrupção e o incentivo à exploração responsável de produtos provenientes da Amazônia já foram firmados em forma de pactos entre os diversos setores de atividade econômica.

Ao assinarem esses compromissos, as entidades declaram automaticamente à sociedade que estão dispostas a combater práticas contrárias a um desenvolvimento que seja sustentável, justo e ético.

Clique em cada ...

A prova de que o PIB pode enganar

No geral, as agências de estatística são incapazes de medir o desempenho econômico pela renda disponível para consumo e compará-la ao vetusto produto bruto, interno ou nacional

Quem teima em defender o obsoleto PIB precisa dar atenção ao caso da Irlanda, que realça como seria muito melhor avaliar o desempenho econômico das nações por alguma medida da renda domiciliar disponível para consumo. O PIB per capita irlandês disparou nos anos 1990, ultrapassando o japonês e os das maiores economias européias em 1998, e quase igualando o dos EUA em 2007. Todavia, tanto seu consumo final efetivo, quanto as várias medidas possíveis de renda domiciliar disponível permaneceram em níveis 40% abaixo das americanas, bem próximas das da Itália.

Ou seja: em 2007 a situação econômica da Irlanda era muito pior ...

Walmart Brasil amplia capacidade de venda de produtores artesanais

Loja virtual da rede oferece produtos artesanais confeccionados por pequenas comunidades e cooperativas de todo o Brasil

O site de vendas do Walmart Brasil, parceiro estratégico do Akatu, agrega desde o mês de julho, uma nova categoria à sua loja virtual – o E-Solidário.
A iniciativa é fruto de uma ação conjunta entre a rede de varejo e a Solidarium, empresa que promove o comércio justo.

O E-Solidário oferece aos consumidores de todo o Brasil produtos desenvolvidos por pequenas comunidades e cooperativas. A lista de itens inclui objetos de decoração, brinquedos e outras utilidades, tudo feito artesanalmente em diferentes regiões do país.

Com a ação, produtores artesanais ganham suporte ...

Fechar

Esqueci minha senha

Digite seu e-mail e clique em "Procurar" para recuperar sua senha.
Sua senha foi enviada para o e-mail informado.
Não encontramos seu e-mail em nossos registros. Se você não tem uma conta Akatu, cadastre-se aqui.
Ocoreu um erro inesperado. Por favor, tente mais tarde.
enviando...