MT é o 1º no ranking de libertação de escravos no país

Levantamento do Ministério do Trabalho revela que, em 2005, o Estado do Mato Grosso ultrapassou o Pará em termos de trabalhadores escravos libertados

Comentário Akatu:A existência da escravidão é algo absolutamente ultrajante. Todo consumidor deve conhecer a história dos produtos que consome, para se certificar de que sua produção não envolve atividades injustas e irresponsáveis, como exploração de trabalho escravo, infantil ou devastação ambiental, por exemplo.

Mato Grosso é o Estado que registrou o maior índice de trabalho escravo no país, nos primeiros oito meses deste ano. Neste período, 1.026 pessoas em regime de escravidão foram libertadas de fazendas fiscalizadas pela Delegacia Regional do Trabalho. Com estes números o Estado passa à frente do Pará, que nos últimos ...

Jornada de trabalho longa é insalubre, diz estudo

Pesquisa afirma que pessoas que fazem hora extra têm 61% mais chances de ter problemas de saúde

Comentário Akatu:Saber administrar bem o tempo também é uma atitude consciente. A busca pela sustentabilidade contempla a qualidade de vida, que está intimamente ligada a um equilíbrio entre as atividades profissionais, o tempo dedicado à companhia da família e dos amigos e a atividades de lazer.

Longas jornadas de trabalho podem aumentar o risco de lesões e doenças, afirma estudo divulgado nos EUA. Pesquisadores da Universidade de Massachusetts afirmam que as pessoas que fazem hora-extra têm 61% mais chances de ter problemas de saúde. Segundo o estudo, esse risco é ainda um terço maior caso ...

Sabonete de murmuru gera renda para ribeirinhos do Acre

Coco de uma palmeira amazônica é matéria-prima para sabonete 100% vegetal; produção preserva meio ambiente e beneficia ex-seringueiros

Comentário Akatu:Iniciativas como esta aliam a prosperidade econômica à justiça social e à proteção do meio ambiente. Portanto, são socialmente responsáveis e devem ser apoiadas pelos consumidores.

Coco de uma palmeira da Amazônia, o murmuru chamou atenção de pesquisadores da Universidade de Campinas (Unicamp) em 1996. O físico Fábio Dias e a antropóloga Margarete Mendes constataram que os índios do Acre conheciam as propriedades do óleo para uso no cabelo. Após testes com a planta, os dois encontraram a fórmula para um sabonete 100% vegetal, hidratante e com  cheiro agradável.

A descoberta resultou na ...

Madeira utilizada em obras públicas em SP deve ter procedência legal

Por decreto, cidade de São Paulo se compromete a não usar madeira explorada ilegalmente nas obras e serviços públicos

Comentário Akatu:A obrigação de proteger o meio ambiente não é prerrogativa apenas do poder público, mas de todos os habitantes do planeta. As prefeituras que se comprometeram a não usar madeira sem procedência legal estão fazendo sua parte; os cidadãos, em suas construções particulares, também devem zelar para que não se colabore com o desmatamento ilegal de nossas florestas.

No Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho), o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito José Serra assinaram decreto, durante solenidade no Parque Ecológico do Tietê, que proíbe o uso ...

Entidades lançam compromisso para erradicar a escravidão no Brasil

Signatários do Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo se comprometem a impor restrições comerciais ao exploradores e a apoiar ações de reintegração

Como todos aprendemos nas aulas de história do ensino fundamental, a escravidão foi oficialmente abolida no Brasil em 13 de maio de 1888. Mas, 117 anos depois, em várias propriedades rurais de diversas regiões do país, ainda existem trabalhadores escravos, que têm seus documentos apreendidos, não recebem salário, vivem em péssimas condições de higiene e recebem castigos físicos, entre outros abusos.

Para entender melhor o panorama da escravidão no Brasil, é interessante consultar o cadastro de empregadores que, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego, mantinham (em alguns casos, cerca de 300) pessoas em regime ...

Fechar

Esqueci minha senha

Digite seu e-mail e clique em "Procurar" para recuperar sua senha.
Sua senha foi enviada para o e-mail informado.
Não encontramos seu e-mail em nossos registros. Se você não tem uma conta Akatu, cadastre-se aqui.
Ocoreu um erro inesperado. Por favor, tente mais tarde.
enviando...