Sacolinha gratuita vai acabar em São Paulo

Supermercados e governo do Estado fecham acordo para cobrança de 19 centavos por saquinho

A partir de outubro, consumidores do Estado de São Paulo terão que desembolsar R$ 0,19 por sacola plástica se quiserem embalar suas compras nesse material. Apesar de ser uma cobrança, é uma boa notícia, pois vai incentivar a redução do uso e descarte das sacolinhas. O consumidor tende a optar por sacolas de plástico retornáveis duráveis ou levar menos descartáveis – já que terá de pagar as que hoje são gratuitas.

O banimento da gratuidade, como já ocorre há anos na Europa, das sacolas plásticas descartáveis deve ser oficializado em maio ...

Entra em vigor lei que proíbe distribuir sacolas plásticas em BH

Mudança de hábito do consumidor é fundamental para o sucesso da lei prevê multa e até interdição de licença para varejistas que descumprirem a norma

Está em vigor desde segunda-feira (18/04), a lei municipal que proíbe o comércio de Belo Horizonte (MG) de distribuir as tradicionais sacolinhas plásticas descartáveis feitas a partir de derivados do petróleo. Lojas, padarias, supermercados, drogarias, e outros pontos de varejo da cidade, devem adotar soluções de embalagem de mercadorias que gerem menos impactos ambientais, como as sacolas plásticas biodegradáveis, as retornáveis duráveis de pano, de palha e ráfia, além de caixas de papelão e carrinhos.

O Instituto Akatu orienta os consumidores para o consumo consciente de sacolas plásticas ...

Prefeitura promete coleta seletiva durante a Virada Cultural paulistana

Pela primeira vez, plano “antissujeira” para a festa inclui compactação e encaminhamento direto de resíduos para pontos de reciclagem

As primeiras seis edições da Virada Cultural Paulista – evento anual que promove durante 24 horas ininterruptas, programação cultural diversa e gratuita pela cidade de São Paulo – foram alvo de sucessivas críticas devido ao lixo que permanece nas ruas durante horas e até dias após o evento. Para este ano, a prefeitura anunciou que, pela primeira vez, 150 catadores de cooperativas de reciclagem farão a separação e o processamento do lixo ao longo do evento, além de disponibilizar 40 contêineres que serão usados para acomodar o lixo e ...

Catadores querem inserção efetiva no mercado de reciclagem

Cooperativas exigem apoio do poder público para implementar gestão profissional em seus negócios; medida está prevista na PNRS

"Hoje estou aqui, representando 1 milhão de catadores e pedindo que não sejamos tratados com assistencialismo. Queremos inserção econômica na indústria da reciclagem", disse Roberto Laureano, coordenador nacional do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR), durante o evento “Diálogos: Política Nacional de Resíduos Sólidos – Embalagens Pós-Consumo e Responsabilidade Compartilhada”.

Organizado pela Agência Envolverde, em parceria com a Tetra Pak e o Compromisso Empresarial com a Reciclagem (Cempre), o encontro foi realizado em São Paulo, na quarta-feira (13/4).

“Com a aprovação da lei do lixo [PNRS] a ...

Cidadão pode usar a internet para agendar coleta de eletroeletrônicos

Serviço gratuito em domicílio é realizado por empresa que separa e vende o material para diferentes indústrias

Quem pratica o consumo consciente se depara com o dilema da falta de postos de coleta de recicláveis, principalmente quando se tratam de eletroeletrônicos. Sem saber onde entregar, muitos transformam parte da casa em depósito. Observando que a reciclagem é um nicho de mercado, uma empresa da cidade de São Paulo iniciou um serviço gratuito de recolhimento a domicílio de aparelhos eletrônicos em desuso por meio do agendamento na internet.

Funcionando há pouco mais de um ano para a região metropolitana de São Paulo, a Cidadão Eco aceita equipamentos de informática, placas de ...

Fechar

Esqueci minha senha

Digite seu e-mail e clique em "Procurar" para recuperar sua senha.
Sua senha foi enviada para o e-mail informado.
Não encontramos seu e-mail em nossos registros. Se você não tem uma conta Akatu, cadastre-se aqui.
Ocoreu um erro inesperado. Por favor, tente mais tarde.
enviando...