A fonte ameaça secar - O movimento pela culinária responsável

O consumo excessivo de peixes pode levar à pesca predatória e desequilíbrio no meio ambiente marinho, por Marcelo Szpilman

Não há dúvidas de que a carne de peixe é uma das melhores, em se tratando da facilidade de digestão e valor nutritivo. Temos também diversas razões gustativas para apreciarmos as lagostas, camarões e mexilhões. Comê-los sempre foi um ato natural e nada antiecológico. No entanto, para que possamos continuar a consumi-los no futuro devemos pensar de forma responsável sobre este assunto. Os oceanos e sua biodiversidade devem ser vistos como uma prioridade na questão da preservação ambiental.

Apesar de a pesca ser uma das mais antigas atividades desenvolvidas pelo homem, parece que ...

Sustentabilidade em tempo real

Rachel Biderman e Luciana Betiol comentam o poder do governo, enquanto consumidor, de buscar a sustentabilidade

Publicado originalmente na Revista Página 22 de novembro de 2006.

Em escolas da rede pública de Santa Catarina, as crianças estão recebendo merendas ecológicas. Além de mais saudáveis, as merendas estimulam negócios entre pequenos produtores rurais de alimentos orgânicos e as prefeituras de cerca de 40 municípios. Trata-se de um círculo virtuoso, que permite a geração de renda e emprego no campo, a proteção do meio ambiente e a alimentação saudável. Exemplos desse tipo podem e devem ser multiplicados em todo o País em prol do desenvolvimento sustentável na ...

Atenção responsável à clientela

Uma empresa socialmente responsável deve ser mais pró-ativa do que reativa com relação aos seus consumidores, por Ricardo Voltolini

Qualquer que seja o indicador de responsabilidade social empresarial, os consumidores e clientes figuram sempre entre as partes interessadas de um negócio. E nem poderia ser diferente. Em relação a eles, uma empresa socialmente responsável deve ser mais pró-ativa do que reativa. Em vez de ficar na defensiva reagindo ás queixas de clientes insatisfeitos, ela precisa tomar a iniciativa de criar uma política formal de comunicação afinada com seus princípios e a incluir no seu código de conduta ou em sua declaração de valores.

Esse tipo de atitude gera dois benefícios. O primeiro ...

Valores não se convertem em atitude

Pesquisa do Grupo Ibope indica como o setor privado incorporou valores inerentes aos negócios sustentáveis, por Rodrigo Zavala

Artigo originalmente publicado no site Envolverde.

O que significa o conceito de sustentabilidade e quais as suas implicações na vida das pessoas e das organizações empresariais? Essas questões basearam pesquisa realizada pelo Grupo Ibope, divulgada na primeira semana de agosto, que fez um diagnóstico de como o setor privado incorporou valores inerentes aos negócios sustentáveis. Resultado: embora a intenção exista, ela ainda não se converte em comportamento.

Para analisar a opinião da comunidade empresarial, o Ibope Inteligência entrevistou 537 executivos de 381 grandes empresas brasileiras. E, por meio das respostas, ...

Como anda a emergência do Capitalismo Ético no Brasil?

A economia se conecta cada vez mais com condicionalidades sociais e ambientais, por Samyra Crespo

Em artigo recente, publicado na Revista Adiante, exploramos a idéia de que o socioambientalismo – identidade requerida pelo movimento que junta militantes sociais, ambientalistas e empresários éticos, não podia ser considerado anticapitalista. Ao contrário, argumentamos, o movimento predominante no campo da sustentabilidade, isto é o mainstream, mostra um vigoroso fascínio pela idéia de que o mercado -- portanto os mecanismos econômicos --  podem contribuir com maior rapidez, escala e eficiência para que as sociedades de um modo geral, e brasileira dentro deste conjunto, possam dar as respostas que exigem os atuais desafios ...

Destaques

Categorias

Teste do Consumo Consciente

 

 

Você sabe como seu poder  de consumidor pode influenciar a sua vida e de todo o planeta?

 

O Teste do Consumo Consciente do Instituto Akatu responde a essa pergunta. Ele é uma ferramenta que avalia o grau de consciência de pessoas ou comunidades quando consomem e oferece caminhos para que todos possam se tornar consumidores mais conscientes, numa jornada em busca do bem-estar para você, a sociedade e toda a vida no planeta.

Descubra que tipo de consumidor você é!

 

Fechar

Esqueci minha senha

Digite seu e-mail e clique em "Procurar" para recuperar sua senha.
Sua senha foi enviada para o e-mail informado.
Não encontramos seu e-mail em nossos registros. Se você não tem uma conta Akatu, cadastre-se aqui.
Ocoreu um erro inesperado. Por favor, tente mais tarde.
enviando...