22.08.22 às 11:35

Braskem fecha parceria com Coletando para ampliar a reciclagem de resíduos plásticos

Empresas se juntam para engajar população no descarte adequado de resíduos
Ação de apoiador

Buscando atingir suas metas de eliminação de resíduos plásticos, bem como promover o modelo de economia circular e a conscientização da população sobre a importância da reciclagem, a Braskem se uniu à startup Coletando em uma iniciativa que visa ampliar o descarte consciente e adequado de produtos plásticos.

A parceria integra o projeto da startup, que atua na inclusão bancária por meio da coleta de resíduos em ecopontos móvel (com triciclo), fixo (instalados em estabelecimentos como supermercados, shoppings, etc.) e inteligente (localizados em condomínios) em 17 municípios de quatro estados (SP, RJ, MG e BA). Nessas unidades, todos podem descartar materiais pós-consumo feitos de plásticos, vidro, papel, papelão, alumínio, entre outros, em troca de créditos para compras.

A ação funciona em um sistema de cashback: os cidadãos levam suas embalagens pós-consumo higienizadas para os pontos de coleta (ou as entregam nos pontos móveis circulantes) e podem trocá-las por créditos disponibilizados em um cartão, fornecido diretamente no ecoponto. Com este cartão, será possível fazer compras em estabelecimentos locais, como mercados, farmácias e padarias.

Os resíduos coletados serão encaminhados para uma das 25 cooperativas parceiras, que destinarão os materiais para a reciclagem. Os itens de plásticos (polietileno e polipropileno) serão direcionados para a Braskem, que irá realizar a reciclagem desses artigos em sua unidade de reciclagem mecânica, operada pela Valoren, em Indaiatuba, interior de São Paulo, fazendo com que retornem à cadeia como resina reciclada pós-consumo para que a indústria de transformação possa produzir novos produtos, fechando assim o ciclo da Economia Circular.

“Além de reforçar os nossos compromissos socioambientais, convidamos a população a nos ajudar nesta ação que objetiva promover a reciclagem de resíduos pós-consumo, tão necessária nos tempos atuais” afirma Fabiana Quiroga, diretora de Economia Circular da Braskem na América do Sul. “A parceira da Braskem com a Coletando é mais uma iniciativa que une membros da cadeira produtiva, e mostra a importância do engajamento de diversos atores da sociedade para promoção e concretização da economia circular”, destaca.

Fabiana explica que o projeto está alinhado com as metas anunciadas pela Braskem de contribuir para a eliminação de resíduos plásticos. Neste sentido, a companhia pretende ampliar seu portfólio para incluir 300 mil toneladas de produtos com conteúdo reciclado até 2025 e 1 milhão de toneladas até 2030. Também até 2030, a empresa vai trabalhar para evitar que 1,5 milhão de toneladas de resíduos plásticos sejam enviados para incineração, aterros, ou depositados no meio ambiente. 

Para Saulo Ricci, fundador e CEO da Coletando, “mais do que fomentar a conscientização socioambiental entre a população, a ideia do projeto é chegar em locais mais afastados dos grandes centros urbanos, gerando também impacto social positivo a partir da troca de resíduos recicláveis por créditos, no caso dos consumidores, e obtenção de renda, para os catadores e recicladores”, destaca. “Com a parceria da Braskem conseguiremos potencializar os propósitos da iniciativa ligados à sustentabilidade e desenvolvimento econômico local.

Desde 2019, o projeto como um todo já gerou mais de R$ 500 mil em renda para a população, beneficiou 4,2 mil usuários e recolheu mais de 3 milhões de embalagens (de diversos tipos e materiais). A Coletando foi uma das empresas selecionadas para o Braskem Labs 2021, programa de aceleração de startups que fomenta a criação de soluções inovadoras capazes de gerar impacto socioambiental positivo, na modalidade Scale, voltada para àquelas que já estão em fase de tração ou escala.

Como participar

O consumidor interessado em descartar seus resíduos recicláveis via Coletando e obter créditos por esta ação, como primeiro passo, precisa se cadastrar no site da Coletando . Feito isso, é preciso entregar os materiais recicláveis em uma das estações, levando-os já limpos e, de preferência, separados por categorias (plástico, vidro, metal etc.). Nas estações, os materiais serão pesados e, de acordo com o peso verificado, os créditos correspondentes serão entregues em um cartão para uso em compras feitas em estabelecimentos locais.

Veja também