02.06.22 às 15:32

Folha de S.Paulo: O papel do indivíduo na mitigação da crise climática

Diretor-presidente do Akatu, Helio Mattar reforça a necessidade de mudanças de estilo de vida para combatermos a crise climática
compartilhe
FacebookTwitterLinkedInWhatsAppEmailCopy Link

Em sua coluna de maio de 2022 no jornal Folha de S.Paulo, o diretor-presidente do Akatu, Helio Mattar, repercute os últimos dados do Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima da ONU. Ele destaca a necessidade de esforços e de ações conjuntas para reduzirmos os impactos da crise climática, além de reforçar o papel que cada cidadão tem diante do maior desafio da humanidade na atualidade.

“Cada novo relatório do IPCC (sigla em inglês para Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima da ONU) mostra que os impactos da crise climática se tornam mais e mais intensos e prejudicam em escala muito maior as populações vulneráveis. Além de explicar as causas da crise, o mais recente dos documentos, lançado em abril, foca nos caminhos para a sua mitigação. É neste ponto que governos, empresas e sociedade devem se debruçar.

Segundo o IPCC, tendo como parâmetro a meta do Acordo de Paris de aumento máximo da temperatura em 1,5°C em relação ao período pré-industrial, as emissões precisam parar de crescer em 2025 —ou seja, em três anos— e depois cair 43% até 2030 —em sete anos—, em comparação aos níveis de 2019.”

Leia na íntegra aqui. (disponível somente para assinantes)

Veja também