loader image
06.05.20 às 10:32

Folha de S.Paulo: A sociedade é para todos, ou não é para ninguém

A pandemia desperta a necessidade de criarmos um futuro em que ninguém mais poderá ficar para trás

Em sua coluna deste mês de maio na Folha de S.Paulo, Helio Mattar, diretor presidente do Instituto Akatu, falou sobre como cada parcela da sociedade é afetada de maneira diferente pelo coronavírus. E, ainda assim, como todas se relacionam.

“A triste e inédita experiência da pandemia do coronavírus expõe a todos à enorme fragilidade da vida. Com a sensibilidade aguçada, neste momento extremo, torna-se mais fácil perceber uma verdade que, embora sempre presente, agora se mostra com mais clareza: o destino de cada um está ligado ao do outro, e todos precisamos de cuidados.

No entanto, cuidar de si próprio e do outro não é uma condição dada igualmente a todos. Por isso essa crise é vivida de forma tragicamente distinta, dependendo do grupo social a que se pertence.”

A coluna na íntegra você confere aqui.

Veja também
Quer ouvir essa página? É só dar o play abaixo!