02.06.22 às 12:00

Tim investe para triplicar velocidade de conexão de aplicações IoT e reduzir consumo de energia

Operadora disponibiliza a nova funcionalidade PSM (Power Saving Mode), que viabiliza a utilização de baterias por até 10 anos
Ação de Apoiador
compartilhe
FacebookTwitterLinkedInWhatsAppEmailCopy Link

Clientes corporativos da TIM, que são usuários de redes LPWA (Low-power wide-area) utilizadas na conexão de aplicações IoT, contam agora com uma rede ainda mais robusta e novas funcionalidades disponíveis em mais de 4.100 municípios com cobertura NB-IoT da operadora.  O protocolo NB-IoT 1 (padrão 3GPP release 13) foi atualizado para a nova release 14 (NB-IoT 2) para beneficiar os clientes com velocidades de conexão (uplink e downlink) até três vezes maiores em relação à versão anterior, A implantação da nova funcionalidade PSM (Power Saving Mode, na sigla em inglês) permite uma economia de até 80% no consumo das baterias, já que promove uma gestão mais eficiente da conectividade, contribuindo para que os dispositivos IoT não necessitem de troca ou recarga de bateria por longos períodos (de 5 a 10 anos).


As funcionalidades também permitem atualizações eficientes de firmware para grandes volumes de dispositivos. A tecnologia é fundamental também para o desenvolvimento de aplicativos que necessitam de comunicação de grupo com sincronia push-to-talk (e similares), e de mobilidade na rede, como ras-treadores (inclusive do tipo “Isca”), soluções de telemetria, wearables em geral e outros, tais como me-didores de gás e água usados em serviços públicos.


“Somos a primeira operadora no país a oferecer a tecnologia NB-IoT 2 e o PSM implementado em mais de 4,100 municípios do país. Esta rede vai habilitar novos casos de uso que necessitem de mobilidade e economia de energia em sensores wireless nas mais diversas verticais. Imagine uma etiqueta inteligen-te com mobilidade completa, capacidade de conexão no subsolo de um prédio, bateria com duração de mais de 10 anos e cobertura nacional. Isto já é possível na nova rede IoT da TIM”, explica Alexandre Dal Forno, Diretor de Desenvolvimento de Mercado IoT & 5G da TIM Brasil. Líder em cobertura 4G no país, atendendo a 4.891 municípios e com oferta da tecnologia NB-IoT 2 em 4.101 cidades, a TIM é pioneira na oferta de soluções de IoT. Com parceiros em segmentos como agronegócio, rastreamento, seguros, logística, segurança, mineração, energia e automobilístico, a operadora avança em projetos essenciais para colaborar com a evolução da indústria 4.0 e, de maneira ainda mais sustentável, dispo-nibilizar a possibilidade de racionalização de energia a seus parceiros.

Sobre a TIM

“Evoluir juntos com coragem, transformando tecnologia em liberdade” é o propósito da TIM, operadora com atuação nacional e líder em cobertura 4G. Reconhecida por estar à frente de movimentos importantes do mer-cado – em linha com a sua assinatura, “Imagine as possibilidades”, a empresa é pioneira em testes do 5G no país e teve atuação protagonista no leilão da nova tecnologia, que revolucionará diversos segmentos da economia brasileira.


Por atuar comprometida com as melhores práticas ambientais, sociais e de governança, integra importantes carteiras da bolsa brasileira, como a do Novo Mercado, do S&P/B3 Brasil ESG, do Índice de Carbono Eficiente e do Índice de Sustentabilidade Empresarial. Está listada no Sustainability Yearbook 2022, que reúne as empresas mais sustentáveis do mundo, e foi a primeira operadora a obter o selo “Pró-ética” da Controladoria Geral da União e a certificação ISO 37001, de combate ao suborno.


A TIM valoriza uma cultura organizacional mais diversa e inclusiva e trabalha também para combater o precon-ceito e conscientizar toda a sociedade. Essa atuação já recebeu reconhecimentos importantes: a operadora está no Índice de Equidade de Gênero da Bloomberg e lidera, entre as empresas do Brasil e do setor de telecom mundial, o Refinitiv Diversity & Inclusion Index, que mede o desempenho de mais de 11 mil companhias. Para mais informações, acesse www.tim.com.br.

compartilhe
FacebookTwitterLinkedInWhatsAppEmailCopy Link
Veja também